No mundo da tecnologia, a comunicação eficaz entre dispositivos é crucial. Mas você já parou para pensar como isso é possível? Como garantimos que diferentes dispositivos, de diferentes marcas, se comuniquem sem problemas? A resposta está nos padrões estabelecidos por organizações como a EIA (Associação de Indústrias Eletrônicas) e a TIA (Associação de Indústrias de Telecomunicações).

A Fundação da Comunicação Moderna

EIA: A Inovação em Eletrônicos

A EIA, uma organização que define padrões para componentes eletrônicos, garante que todos os dispositivos eletrônicos, desde simples cabos até complexos sistemas de comunicação, funcionem harmoniosamente. Seus padrões asseguram a compatibilidade entre dispositivos, facilitando a integração e a operacionalidade no nosso cotidiano.

TIA: A Revolução da Telecomunicação

Já a TIA foca no setor de telecomunicações. Ela estabelece regras e padrões para equipamentos e serviços, com o objetivo de aprimorar a qualidade e a eficiência da comunicação global. Desde a velocidade da internet até a clareza de uma chamada telefônica, a TIA está por trás da melhoria contínua dos serviços de telecomunicações.

A Importância dos Padrões

Sem padrões como os definidos pela EIA/TIA, cada fabricante poderia criar dispositivos com suas próprias regras, tornando a compatibilidade um grande desafio. Os padrões garantem que diferentes tecnologias funcionem juntas sem problemas, reduzindo custos, melhorando a qualidade e acelerando a inovação.

Benefícios dos Padrões EIA/TIA:

  • Compatibilidade: Garantem que dispositivos de diferentes fabricantes funcionem juntos.
  • Qualidade: Melhoram a qualidade dos produtos e serviços de telecomunicações.
  • Inovação: Facilitam a inovação ao definir um campo de atuação claro para desenvolvedores e fabricantes.
  • Eficiência: Reduzem custos e aumentam a eficiência ao padronizar componentes e processos.

Cabos de Rede e Conectividade

Um exemplo claro da importância desses padrões está nos cabos de rede. Os padrões definem não apenas os tipos físicos de cabos, como Cat5e ou Cat6, mas também especificações técnicas que impactam diretamente na velocidade e na qualidade da sua conexão à internet.

Escolhendo os Melhores Cabos de Rede

Quando se trata de montar ou atualizar sua rede, escolher os cabos certos é fundamental. Cabos que seguem os padrões EIA/TIA garantem uma conexão mais estável, segura e rápida. É aqui que entra a importância de escolher fornecedores confiáveis, que compreendem e aplicam esses padrões em seus produtos.

Conecte-se com Qualidade

Na Cabos Patch Cord, entendemos a importância desses padrões para proporcionar a melhor experiência de conexão. Nosso compromisso é oferecer cabos de rede que não apenas atendam, mas excedam as especificações EIA/TIA, garantindo que sua rede seja rápida, confiável e pronta para o futuro.

Ação para Conexão Superior

Não deixe sua rede à mercê de cabos e conexões de baixa qualidade. Visite www.cabospatchcord.com.br e escolha os melhores patch cords do mercado. Para mais informações e dicas sobre como melhorar sua conexão de rede, acesse nosso blog em caboderede.com. Junte-se a nós na jornada por uma conexão sem falhas, onde qualidade e confiabilidade vão além da expectativa.

Na era digital em que vivemos, a conectividade é essencial. Seja para uso doméstico ou empresarial, contar com uma rede estável e eficiente é fundamental. E para garantir um desempenho adequado, a escolha do cabo de rede correto é crucial. Neste artigo, vamos explorar os diferentes tipos de cabos de rede disponíveis no mercado e ajudá-lo a selecionar o cabo ideal para atender às suas necessidades específicas.

Entendendo os Tipos de Cabos de Rede

Antes de escolher um cabo de rede, é importante compreender as diferenças entre os tipos mais comuns disponíveis. Vamos dar uma olhada nas opções mais populares:

CAT5E

O cabo Ethernet Cat5e é uma escolha comum para redes domésticas e pequenos escritórios. Ele suporta velocidades de até 1.000 Mbps (1 Gigabit) e é adequado para a maioria das atividades cotidianas, como navegação na web, streaming de vídeos e jogos online. Embora não seja originalmente blindado, também está disponível uma versão blindada (FTP/STP) do cabo Cat5e, que oferece proteção adicional contra interferências eletromagnéticas.

CAT6

Se você precisa de um desempenho mais robusto, o cabo Ethernet Cat6 pode ser a opção ideal. Ele suporta velocidades de até 10.000 Mbps (10 Gigabits) e oferece uma melhor proteção contra interferências, mas vale lembrar que o Cat6 não é recomendado para se utilizar em locais que possam ter interferências. O Cat6 também está disponível em versões blindadas (FTP/STP) que fornecem uma proteção extra contra ruídos eletromagnéticos. Recomenda-se o uso do Cat6 ou do Cat6 blindado para aplicações que exigem largura de banda significativa, como transferências de arquivos grandes, streaming de alta qualidade e jogos online competitivos.

CAT6A

Se você busca a mais alta velocidade e desempenho, o cabo Ethernet Cat6a pode ser a escolha certa. Assim como o Cat6, o Cat6a suporta velocidades de até 10.000 Mbps (10 Gigabits), porém o Cat6a transmite essa quantia em até 100 metros, diferentemente do Cat6 que suporta a mesma quantia até 50 metros. O Cat6a também está disponível em versões blindadas (FTP/STP), que oferecem uma proteção ainda maior contra interferências eletromagnéticas. Esse cabo é recomendado para ambientes empresariais, data centers ou para usuários que exigem o máximo desempenho em suas redes domésticas.

Escolhendo o Cabo Adequado

Agora que você está familiarizado com alguns dos tipos de cabos de rede disponíveis, é hora de escolher o cabo ideal para suas necessidades específicas. Aqui estão alguns fatores a serem considerados ao fazer sua escolha:

Velocidade e Largura de Banda

Avalie o quanto de largura de banda você precisa para as atividades que serão realizadas em sua rede. Se você realiza principalmente tarefas básicas, como navegação na web e streaming de vídeos em HD, um cabo Cat5e ou Cat5e blindado será suficiente. No entanto, se você trabalha com transferência de grandes arquivos ou deseja uma experiência de jogo online fluida, considere outras opções.

Distância

Considere a distância entre os dispositivos que serão conectados. Cabos de rede têm limitações em termos de comprimento antes que a qualidade do sinal comece a se deteriorar. Se você precisar de uma conexão estável em distâncias mais longas, certifique-se de escolher um cabo com classificação para isso.

Interferências

Se sua rede está sujeita a interferências elétricas ou magnéticas, como próximo a cabos de energia ou equipamentos elétricos, é recomendável optar por um cabo com melhor blindagem, como os cabos blindados. Isso ajudará a minimizar a perda de sinal e garantir uma conexão mais estável. (Confira os tipos de Blindagem para fazer sua escolha caso necessário: www.caboderede.com/quais-os-tipos-de-blindagem/)

Futuro-Proofing

Se você está planejando uma rede de longo prazo ou deseja estar preparado para as demandas futuras, considere investir em cabos com mais performance. Embora sejam um pouco mais caros, esses cabos fornecem maior desempenho e suportam velocidades mais altas, garantindo que sua rede esteja preparada para as tecnologias emergentes.

Escolher o cabo de rede adequado para suas necessidades é essencial para obter um desempenho confiável e eficiente em sua rede. Avalie as velocidades necessárias, a distância entre os dispositivos, as interferências possíveis e a durabilidade futura ao selecionar o cabo apropriado. Seja para uso doméstico ou empresarial, a escolha certa garantirá uma conexão de qualidade e uma experiência digital aprimorada.

Espero que este artigo tenha fornecido as informações necessárias para ajudá-lo a escolher o cabo de rede ideal para suas necessidades. Com o cabo correto, você poderá desfrutar de uma rede estável e eficiente, aproveitando ao máximo suas atividades online.

Agora que você já escolheu o cabo ideal para você, vou deixar algumas opções dos melhores patch cords do mercado logo abaixo:

CAT5e: www.cabospatchcord.com.br/categoria-5e

CAT6: www.cabospatchcord.com.br/categoria-6

Blindados: www.cabospatchcord.com.br/patch-cord-blindado

Patch Panel e Switch

 Tanto o Patch Panel quanto o Switch visam trazer benefícios para a rede mesmo possuindo diferentes funções, mas o que difere um do outro?

O Patch Panel facilita a visualização dos pontos de rede no rack, auxiliando assim na distribuição dos cabos. Com isso, qualquer modificação pode ser realizada diretamente no rack. Ou seja, utilizando o Patch Panel o cabeamento fica mais organizado, consequentemente facilita a identificação de um cabo específico quando necessário.

Já o Switch, é responsável pela conexão de aplicativos, usuários e equipamentos para que haja a comunicação entre eles. Switches simples conectam unicamente dispositivos de uma única rede local (LAN), enquanto os mais avançados conseguem conectar vários LANs.

Ou seja, enquanto o Switch serve para conectar os diferentes pontos da rede, o Patch Panel serve para intermediar essa ligação, prevenindo que haja possíveis danos no Switch. Um dos benefícios que o Patch Panel fornece com essa intermediação, é o aumento na vida útil dos switches. Isso ocorre devido a redução da necessidade de manipular as portas do switch, e assim, o risco de queimá-las.

Enfim, é nítido a importância desses dois aparelhos para que uma rede funcione de maneira eficiente. E se quiser saber mais sobre esse assunto, leia também: https://caboderede.com/o-que-e-um-patch-panel/ e https://caboderede.com/o-que-e-um-switch-de-rede/.

Primeiramente, o que é Velocidade e Alcance?

Alcance: é até onde o sinal da internet consegue chegar.

– Velocidade: é uma certa quantia de bytes utilizada para o download e upload de dados.

Já entendido isso, vamos para o próximo passo.

Mesmo se você tiver 1 ou 100 Megas, o alcance não irá mudar, pois não há nenhuma relação entre os dois.

O que eu faço para aumentar o alcance então?

Para isso você pode usar repetidores, colocando em vários pontos em diferentes locais, assim seu sinal será transmitido com um alcance aumentado.

Mas meu sinal de Wi-Fi está ruim, o que eu faço?

Fique tranquilo, separei alguns passos para você testar e ver se melhora sua internet. Não garanto que irá funcionar, mas o que custa tentar não é mesmo?

1 – Tente reiniciar seu roteador

Muitas pessoas acham que reiniciar o roteador não adianta em nada, mas na maioria das vezes ajuda sim.

Mas por que reiniciar o roteador poderá melhor meu Wi-Fi?

Pode ser que seu aparelho precise de alguma atualização ou está com algum problema de software, sendo assim, reiniciando o dispositivo poderá resolver esses problemas.

2 – Mantenha o firmware do seu roteador sempre atualizado

Primeiramente vamos entender o que é firmware.

Ele é um software que realiza algumas tarefas mais básicas de entrada e saída, ele disponibiliza orientações que são essenciais para o dispositivo conseguir se comunicar com outro.

Por que atualizar o firmware?

Seu equipamento pode estar lento pois pode encontrar-se desatualizado, dito isso, é inevitável sua atualização.

Para atualizar o seu firmware você pode baixar um instalador diretamente com o fabricante de seu aparelho e executa-lo em um computador conectado à rede. Porém está atualização consegue ser feita remotamente pelo provedor.

3 – Coloque o Roteador em um local aberto

Essa dica com certeza é a mais simples, como o Wi-Fi não é conectado por nenhum cabo, a velocidade será afetada pelos obstáculos, como paredes, pisos, teto. Então o ideal é que você coloque seu aparelho em um cômodo mais aberto de sua casa, por exemplo a sala de estar. Outra coisa que se deve prestar atenção ao instalar seu roteador, é mantê-lo longe de outros aparelhos que possam causar alguma interferência (um exemplo muito bom é o micro-ondas).

Acesse nosso Site!

www.cabospatchcord.com.br

Veja como você pode aumentar o alcance do WI-FI!

O Patch Panel é um equipamento com várias entradas de rede, permitindo uma organização avançada da sua instalação, com um fácil reconhecimento dos pontos de rede. São usados para conectar o cabeamento que sai do rack até as tomadas, chamado de cabeamento horizontal, ou então em outro patch panel ligado a um outro rack, conhecido como cabeamento vertical, permitindo uma mudança totalmente fácil feito pelo próprio rack.

A quantidade de portas pode variar em cada patch panel, sendo 24, 48 ou até mesmo 96 portas de rede. Dessa maneira você pode conectar vários patch cords sem ficar aquela desorganização.

Para que serve um Patch Panel?

Pra você que achou que o patch panel só servia para fazer a organização do cabeamento, você está enganado! O patch panel evita vários “desastres” em sua instalação, um deles é queimar as portas do switch. Mas como o patch panel ajuda nisso? Simples, já que o cabeamento não irá ficar ligado direto no switch, você não vai ficar ligando e desligando diretamente, pois os cabos estariam todos conectados no patch panel.

Explicando resumidamente o que é um switch, ele é um dispositivo que tem como intenção de conectar todos os componentes da rede, como computadores, impressoras, servidores, entre outros. O switch permite os aparelhos conectados a ele que compartilhem informações um ao outro.

Adquira um Patch Panel com qualidade excepcional em nosso site!!!! Link direto Abaixo 👇👇

www.cabospatchcord.com.br/patch-panel-24-portas-cat5e-sohoplus

Aproveite e de uma olhada em nossos outros produtos. Garanto que não vai se arrepender!

www.cabospatchcord.com.br

O CAT6A possui os pares trançados com mais potência, enquanto o CAT6 utiliza frequências de 250MHz, já o CAT6A possui frequências maiores que seu antecessor, chegando até 500MHz. Mas as frequências mudam em algo mesmo? Sim, quanto maior a frequência do cabo de rede, mais rápido será passada a informação.

Uma outra divergência destes dois tipos de cabo de rede é a velocidade que cada um suporta, na verdade ambos têm mesmo o poder de transmitir 10Gbps, porém o CAT6A transmite essa quantia em até 100 metros, diferentemente do CAT6 que suporta a mesma quantia até 50 metros.

A bitola do CAT6 é menor do que a do CAT6A, sendo assim o CAT6A possui uma estrutura melhorada. Já que o CAT6A possui o diâmetro maior ele é um pouco mais complicado para fazer a crimpagem.

O CAT6 e o CAT6A possuem alguma semelhança?

Sim, na verdade os dois tipos são praticamente o mesmo, o que muda é que o CAT6A é um “aprimoramento” do CAT6. Vou citar algumas semelhanças abaixo, confira:

– Ambos são utilizados 4 pares trançados;

– Os dois podem ser utilizados nos padrões T568A ou T568B;

– Tanto o CAT6 e o CAT6A estão disponíveis em várias cores;

– São feitos para suportar velocidades de até 1GBPS em até 100 metros.

Citamos apenas 4 dessas semelhanças, porém fique sabendo que existem várias outras.

Qual vale mais?

O CAT6A tem um custo mais elevado, devido sua estrutura ser mais bem elaborada que o CAT6, o CAT6A é mais espesso do que seu antecessor, pois ele é feito com uma camada extra para o melhor desempenho, redução de interferências, dentre outros. Sendo assim o custo de instalação do CAT6A é superior ao cabo CAT6. Agora respondendo à pergunta, qual vale mais a pena utilizar? Sinceramente, o uso do CAT6A é recomendando para se utilizar em empresas, sendo assim se você for utilizar em sua casa, o CAT6 já vai te servir MUITO bem, pois sem dúvidas hoje em dia ele é um dos melhores cabos de rede disponíveis no mercado.

Gostou deste artigo?

Veja como o CAT6 MELHORA sua internet!

www.caboderede.com/como-cat6-melhora-a-internet

Acesse nosso site e confira nossos produtos! 

www.cabospatchcord.com.br

Como sempre falamos sobre cores de cabos de rede em nossas postagens, e diante de algumas dúvidas de alguns clientes, resolvemos criar um artigo aqui em nosso blog para esclarecer essas dúvidas.

A cor diferencia a performance de um cabo de rede?

Existem muitas pessoas que afirmam que o cabo de rede azul é mais veloz que o amarelo, que o verde, vermelho, entre outras muitas variações de cores. Mas isso não passa de um MITO, o que irá alterar a performance do seu cabo de rede é a categoria (CAT6 mais veloz que CAT5), a distância, como já citamos em um outro artigo, a qualidade da montagem, entre outros motivos para se ter ganho ou perda de velocidade.

CONFIRA: Com quantos metros o cabo de rede perde sinal?

Mas não podemos deixar de citar que as cores dos cabos alteram em um fator SIM!

Mas qual fator é esse?

Bom é simples, as cores ajudam muito na organização em um cabeamento estruturado. Por exemplo, para a sala de segurança se utiliza o cabo de rede com a cor verde, para a recepção usa-se preto, e assim continuamente (Lembrando que foram apenas exemplos, não necessariamente são utilizadas essas cores).

Essa escolha de cabeamento ou rede wireless irá depender muito de sua exigência.

Vamos mostrar as vantagens e desvantagens de cada um, sendo assim, você escolhe a que mais lhe agradar.

Vantagens da Ethernet (via Cabo)

Sem dúvida a rede cabeada entrega uma maior segurança, ela é mais segura pois precisa de uma presença no local para o acesso (já o WI-FI você conecta facilmente utilizando uma senha).

A ethernet oferece um sinal sem interferências, isso porque ela está ligada diretamente ao seu dispositivo, e claro, obstáculos como paredes não interferem na velocidade de sua rede, ao contrário da internet Wireless. Sendo assim, ela consegue entregar uma velocidade máxima ou quase máxima, isso dependerá do cabo que você está utilizando.

Desvantagens da Ethernet (via Cabo)

Sinceramente não existem muitas desvantagens da rede cabeada, porém podemos incluir o custo de instalação mais elevado, e também o espaço que será preciso para o deslocamento dos cabos de rede.

Vantagens do WI-FI

O WI-FI oferece uma praticidade extremamente maior do que usar internet via cabo, pois com alguns cliques e uma senha você já tem acesso a uma rede internet.

Outra vantagem é o seu custo de instalação, já que não será preciso fazer a instalação de fios.

Sendo assim, o WI-FI é recomendado para quem precisa de uma agilidade maior.

Desvantagens do WI-FI

Ao contrario da rede cabeada, a internet Wireless está sujeita a interferências, problemas de segurança e velocidade.

Os motivos dessas desvantagens estão ligados a presença de aparelhos eletrônicos (por exemplo o micro-ondas), paredes, pisos e tetos estão conectados diretamente na interferência de velocidade, diminuindo o alcance de sua internet.

Qual a melhor então?

Isso irá depender das necessidades de quem utilizará a internet, então vai da escolha de cada um.

Lembrando que:

Internet via Cabo, entrega uma maior velocidade, porém terá um custo maior.

Internet por WI-FI, menor velocidade, e mais praticidade.

Veja como aumentar o alcance do WI-FI!

O conector é conhecido por uma série de apelidos, como: Plug de Rede, Conector LAN, RJ-45, 8P8C e entre outros. Porém o mais popular sem dúvida alguma é o RJ-45. O terminal é utilizado em cabos par trançado de rede para cabeamento de ethernet tendo cada conector 8 condutores. 

Mas do que é feito o Conector 8P8C?

A fabricação do conector RJ-45 ou o 8P8C é composta por plástico normalmente Crystal em sua estrutura e seu 8 condutores são banhados a ouro, para assim ter uma ótima qualidade e velocidade de transmissão de dados. 

O conector é dividido por Categoria?

Sim, como o cabo LAN é denominado uma categoria como por exemplo CAT5e, CAT6, CAT7 o plug não é diferente, vendo que ele faz um papel muito importante para a entrega de seus dados. As categorias mais utilizada de conector hoje no Brasil é a CATEGORIA 5E ( CAT5E)  e a CATEGORIA 6 (CAT6).

Certo, mas qual a diferença entre os dois?  Os dois são do mesmo tamanho?

Calma, fique tranquilo, você pode substituir seu cabo de rede lan cat5e por um cat6 sem problema algum, pois o tamanho do conector é padrão universal. Basicamente a única diferença entre os dois é a taxa de transferência que enquanto o CAT5e transfere 1Gbps seu amigo CAT6 chega taxa de até 10Gbps. 

Espero ter ajudado, Qualquer dúvida ou sugestão entre em contato conosco. =D